Vitrais Isabel Ramos

Desde 1996 na arte do vitral

  • Facebook Clean

Com o aparecimento de novas técnicas no trabalho do vitral, e recorrendo-se cada vez mais ao uso de novos ou mesmo antigos materiais comummente usados noutras artes, a expressão do vitral começa a mostrar-se agora em novos espaços e com novas formas e feitios. Dando mais uma vez significado à expressão a "imaginação é o limite".

 

Começa-se então a usar o vitral para todo o tipo de objecto decorativo com ou sem utilidade, desde lembretes, brasões, presépios, pendentes, peças de mobiliário, revestimentos, estatuaria ... enfim tudo o que apresentar uma forma passível de representação em vitral.